Home
Open Panel
Shirley

Mesa Brasil Sesc e Grupo Carrefour Brasil se unem para assegurar o acesso a alimentos a milhares de famílias Legenda

A ideia é dar a essas pessoas a possibilidade de fazerem suas próprias compras e escolherem os produtos que desejam, com autonomia e elevação da sua autoestima.
A ideia é dar a essas pessoas a possibilidade de fazerem suas próprias compras e escolherem os produtos que desejam, com autonomia e elevação da sua autoestima.

O Mesa Brasil Sesc e o Grupo Carrefour Brasil estão juntos em uma ação que vai levar mais do que doações à população que mais sofre com os efeitos da pandemia de Covid-19. Por meio da parceria entre a rede de supermercados e o programa de segurança alimentar e nutricional, serão distribuídos milhares de cartões alimentação às famílias em situação de vulnerabilidade em 12 estados do país. A ideia é dar a essas pessoas a possibilidade de fazerem suas próprias compras e escolherem os produtos que desejam, com autonomia e elevação da sua autoestima.

            “Essa parceria com o Carrefour contribuirá não só no combate à fome, mas também para o desenvolvimento do estado e do comércio local. E nesse momento, com o cenário da pandemia da Covid-19, esse trabalho se torna ainda mais essencial”, disse o presidente do Sistema Fecomércio em Roraima, Ademir dos Santos.

            “O Grupo Carrefour Brasil entende que tem um papel social muito importante neste momento de pandemia, onde muitas famílias foram afetadas e necessitam muito do acesso à alimentação. A parceria com o Mesa Brasil e outras instituições vai possibilitar que estas pessoas tenham acesso a algo muito essencial para todos nós, que é a alimentação”, comenta Lucio Vicente, Head de Sustentabilidade do Grupo Carrefour Brasil.

            Os cartões têm crédito de R$ 100 e podem ser utilizados em qualquer estabelecimento comercial que aceite cartão de alimentação. A distribuição iniciou nesta terça-feira (14), para às famílias beneficiadas pelas instituições cadastradas no Mesa Brasil do Sesc Roraima. Serão contempladas 16 instituições que atendem 434 famílias na capital.

Leia mais...

Marleide Cavalcanti