Shirley.comtudo
Open Panel
Shirley

Começa segunda (22) atendimento gratuito para declaração de IR na Estácio

Este ano, terá ainda orientações aos beneficiários do auxílio emergencial, pago pelo governo federal por conta da pandemia da Covid-19.

O Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal (NAF) do Centro Universitário Estácio da Amazônia vai iniciar o atendimento gratuito para a comunidade voltado a tirar dúvidas e dar apoio para o preenchimento da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2021. Os alunos e professores também vão atender os servidores públicos do Governo do Estado na emissão da cédula C.

O atendimento este ano será híbrido, tanto online como presencial no campus da Estácio, na rua Jornalista Humberto Silva, 308, bairro União. O atendimento presencial no campus ocorre das 14h às 17h, de segunda a sexta-feira . O local está seguindo todas as normas de segurança sanitárias vigentes e o uso da máscara é obrigatório.

O coordenador do NAF, professor Eduardo Merlim, explica que para o atendimento presencial o contribuinte precisará agendar um horário pelo telefone (95) 98127-1201. Esse é também o número para o atendimento digital.

“No ano passado, conseguimos fazer a orientação e as declarações de forma online e o melhor dessa ferramenta de aplicativos é que podemos atender contribuintes do interior que não podem se deslocar para a Capital”, ressalta.

Ele informa ainda que o serviço gratuito do Núcleo Fiscal da Estácio é voltado para contribuintes que receberam em 2020 rendimentos até R$40 mil. Este ano, terá ainda orientações aos beneficiários do auxílio emergencial, pago pelo governo federal por conta da pandemia da Covid-19.


REGRAS 2021
A entrega da declaração de imposto de renda é obrigatória para quem recebeu rendimentos, somados todas as fontes, acima de R$28.559,70. Essas fontes podem ser desde salário, aposentadoria ou aluguéis. Outra obrigatoriedade é para quem ganhou mais de R$40 mil isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte.

Esses casos podem ser, por exemplo, o recebimento de indenização trabalhista, saque do FGTS ou rendimentos de poupança.

Quem obteve ganho com venda de bens, como imóveis, sujeito à incidência do imposto; comprou ou vendeu ações na Bolsa; ou recebeu mais de R$142.798,50 em atividade rural ou teve prejuízo rural a ser compensado em 2020 ou nos próximos anos também precisa fazer a declaração deste ano.

Eduardo Merlim lembra aos contribuintes que terão direito a receber restituição que não podem esquecer de informar a conta bancária, seja corrente ou poupança, em sua titularidade. Segundo ele, a previsão é que o primeiro lote saia no dia 31 de maio. Os idosos e as pessoas que entregam a declaração no início do prazo acabam sendo os primeiros a receber as restituições.